Constrangimentos de trânsito no acesso ao Funchal

12-JAN-2022

A Junta de Freguesia do Caniço, sensível aos constrangimentos de trânsito e às dificuldades frequentemente verificadas nos acessos ao Funchal, enviou uma carta ao Presidente do Governo Regional, Dr. Miguel Albuquerque, apelando para a necessidade de olhar com atenção para este sensível dossier que é o dos transportes.
Na exposição enviada, foram apresentados indicadores estatísticos irrefutáveis que justificam a urgência na busca de alternativas rodoviárias e/ou soluções que possam diminuir o stress e descontentamento matinal por que passam os automobilistas, Canicenses e não só, sobretudo nos dias em que se verificam acidentes ou avarias na Via Rápida e que se traduzem em filas intermináveis de carros e por vezes mais de uma hora de congestionamento das faixas e acessos (com trânsito lento e muitas vezes até parado).
Sendo que como Junta de Freguesia somos responsáveis por representar a nossa população e dar-lhes voz junto das entidades com poder decisivo, estamos empenhados a colaborar e trabalhar conjuntamente com o Governo Regional e a Camara Municipal de Santa Cruz, na resolução deste problema.
O Caniço, pelo seu agregado populacional e pela sua localização periférica ao Funchal, configura-se como uma localidade importante em termos rodoviários, cuja funcionalidade (ou não) afeta não só os Canicenses mas todos aqueles que, habitando nas freguesias e concelhos limítrofes, diariamente se deslocam para o Funchal.
  • Partilhar